O meu pequeno jardim…

25 09 2009




Aloé vera… uma planta para quase todos os males…

24 03 2009

aloe_vera

Existe muita informação sobre a aloé vera, talvez também por isso, haja alguma confusão entre a “verdadeira” aloé vera. Na verdade, existem várias plantas da família das aloés, algumas vermelhas (vulgarmente conhecidas como “babosas”) e as amarelas, como esta que tenho no meu quintal. De facto, com base naquilo que tenho consultado, são as amarelas as verdadeiras aloés veras. Além de bonita, sobretudo na altura da floração, que é em Março (nesta região do Atlântico), a aloé vera é usada em imensas coisas, desde queimaduras a problemas internos. São conhecidos e reconhecidos os seus efeitos terapêuticos em inúmeras doenças/patologias, desde alergias cutâneas a alguns casos de cancro.





Bálsamo…

28 02 2009

balsamo3

Não sei como é que nasceu, sei apenas que se trata de uma planta conhecida, popularmente, como “bálsamo”, utilizada, segundo dizem, em problemas na vista. São plantas carnudas que, depois de partidas, eram espremidas, para extrair a seiva (bálsamo) que era deitado, directamente, no olho que se prentendia tratar.





Tempo de amor… ou nem por isso…

8 12 2008

Não há princesas nem príncipes encantados. Tal como não existe Pai Natal. Tal como não existe “Amor à Primeira Vista”. Não, definitivamente, não vivemos numa época propícia ao amor. A compreensão e a entrega, deram lugar ao egoísmo e à ambição. Ninguém quer saber de amor. Ele não paga a prestação da casa, ou a prestação do carro. Ele não paga as compras do supermercado. Decididamente, este não é o tempo do amor. É mais o tempo do dólar ou do euro, da libra ou do iene. Se calhar sempre foi assim, ou talvez não. Mas também não importa. O que conta é o que sentimos. E eu sinto isso sempre que olho em volta. Em vez do calor, observo o frio da indiferença. Em vez de belas flores, crescem trepadeiras e ervas daninhas. Não, tenho a certeza que não, este não é o tempo do amor. Mas, ainda assim, eu amo.

Ficcino





Ilhas Desertas (Madeira)

1 12 2008




Numa altura em que se assinala a Convenção dos Direitos das Crianças…

25 11 2008




Burro “linguarudo”… hehehehe

23 11 2008

burro